Pequenas opiniões sobre quase tudo que servirão para quase nada
Sábado, 30 de Junho de 2012
Os bichos

Um "bicho" sindicalista saltou para cima do carro de Alvaro Santos Pereira para se defender.

Terá sido uma pega de caras?

Com defesas, assim,  ficamos todos conversados: há bichos assim.



carlos arinto maremoto às 19:26
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 26 de Junho de 2012
hoje...e amanhã?

Hoje está calor, amanhã não sabemos!

As receitas diminuiram, o defice está a aumentar, os sacrificos e a austeridade a mandar o País para o reino da fantasia.

Portugal jogo com a Espanha.

E agora?

Alguém deu rating negativo à temperatura? A fitch? Ah! ok.

É que - o tempo - vai cair para lixo. E os ratings de Chipre também, e os de Espanha igualmente.

Só nós é que safamos, porque, estamo-nos nas tintas para isso.

 



carlos arinto maremoto às 12:47
link do post | comentar | favorito

Domingo, 24 de Junho de 2012
esforços

Já repararam que:

-Madona vai estar hoje em Coimbra a actuar para 40.000 espectadores e as noticias realçam" estádio não está cheio".

Será contra-informação?

Nma altura de crise com bilhetes a começar nos € 45,00 eu admiro-me são os 40.000 fãs que dão dinheiro para ver Madona. Não devem ser os do rendimento mínimo, nem os reformados, nem os desempregados.

E depois..... já canta a manesão "à rainha da pop". Não sabem inventar outra? Aquilo é corta e cola.

Rainha da pop...rainha da pop, como é que eu digo de outra maneira?

-Bestas!

 

No Correio da manhã - de hoje - tudo sobre a empresa que faz comentários na internet, adulterando e contaminando opinião publica.

Sabiamos que "eles" existiam, agora temos a certeza.

É andar nos blogues e nas noticias a plantar falsos comentários com pseudónimos. feiro por ex-jornalistas?

Aqui é que eu tenho dúvidas, não serão jornalistas desempregados? Ou jornalistas em part-time, à noite em casa? Ou jornalistas que erraram a vocação?

 

 

O embuste.

A equipa espanhola começou a dizer bem dos jogadores portugueses.

Vai lá, vai!

(Eusébio sentiu-se indisposto e foi hospitalizado na Polónia)

Aqui chegarás, daqui não passarás.

Já existia este cartaz na guerra colonial, e nas guerras anteriores ( que começaram com os bárbaros do norte a invadirem o sul)

Mas não sei se resultou.

É terrorismo, mas de fraca qualidade.

No passaron! É uma intensão. Vamos a ver a realidade.

Cá por mim passamos, é só uma questão de empenhamento, jogar melhor e marcar. (ponto final)



carlos arinto maremoto às 09:59
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 22 de Junho de 2012
tudo bons rapazes

 Domingos Duarte Lima recebeu, em 2002, um milhão de euros do contra-almirante Rogério d’Oliveira, um dos implicados na investigação das autoridades alemãs à compra de dois submarinos pelo Governo português – soube o SOL de fonte judicial.

A descoberta foi feita pelo Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP) e resultou do cruzamento de dados de três processos: Operação Furacão, Rosalina Ribeiro e Monte Branco.

Foi já aberto um novo inquérito-crime no âmbito do qual, esta semana, Duarte Lima e o contra-almirante foram constituídos arguidos, por existirem fortes indícios de crimes de branqueamento de capitais, tráfico de influências e fraude fiscal (uma vez que o advogado nunca declarou ao Fisco aquele montante). Ambos foram inquiridos no DCIAP, esta quarta e quinta-feira.

O milhão de euros foi transferido – segundo a mesma fonte – para a conta de Duarte Lima no UBS, criada em 1999. O dinheiro era proveniente de contas em paraísos fiscais, em nome de Rogério d’Oliveira, que foram descobertas pelo DCIAP durante a investigação da Operação Furacão.

Monte Branco permitiu completar o rasto do dinheiro

Foram, no entanto, as investigações do caso Monte Branco – onde Duarte Lima foi identificado como um dos principais clientes das duas maiores redes de branqueamento e fraude fiscal conhecidas em Portugal – que permitiram ao DCIAP chegar a esta nova descoberta.

Recorde-se que a operação Monte Branco, liderada pelo procurador Rosário Teixeira e pela Inspecção Tributária, levou ao desmantelamento de duas redes: uma liderada pelo suíço Michel Canals e outra por Ricardo Castro. Ambos são ex-funcionários do UBS (Union de Banques Suisses), sendo que o português foi director da filial do banco em Lisboa, até esta ter encerrado, em 2008.

No ano seguinte, o suíço Michel Canals criou a Akoya Management Asset, empresa que agenciava clientes para bancos helvéticos e actuava como seus testas-de-ferro, criando sociedades offshore nas quais era colocado o dinheiro, em manobras de fuga ao Fisco e branqueamento de capitais. Castro teve de prestar uma caução e Canals está preso preventivamente, desde Maio, bem como Francisco Canas, o intermediário português (mais conhecido por ‘Zé Medalhas’).

Aliás, segundo admitiu Duarte Lima à equipa de investigação, foi Ricardo_Castro quem lhe abriu, em 1999, a conta no UBS em Portugal – que passou a ser gerida na Suíça por Michel Canals. Este, recorde-se, era também gestor de conta de Rosalina Ribeiro – ex-companheira de Lúcio Tomé Feteira que acabaria por ser assassinada dez anos depois. Os cinco milhões e meio de euros que as autoridades brasileiras sustentam ser o móbil da sua morte, que imputam a Duarte Lima, foram parar a esta conta do advogado.

Foi também nessa conta de Lima no UBS que, quase em simultâneo, entrou também o dinheiro do contra-almirante Rogério d’Oliveira.

Como tinham informação recolhida na Operação Furacão, os investigadores descobriram que o dinheiro era proveniente de uma offshore criada em nome do contra-almirante por um dos bancos investigados nesse processo.

felicia.cabrita@sol.pt



carlos arinto maremoto às 11:09
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 21 de Junho de 2012
joana vasconcelos

Como já viram a senhora é gorda e horrorosa.

Eu gosto dos seus trabalhos, mas o defeito deve ser meu.

Há por aí uns criticos, muito de esquerda - talvez por causa das fotografias com o Paulo Portas - a dizer mal da senhora, que é a artista do regime e tal.... E veste-.se com aquelas coisas, assim a modos que.... de artista!!???

É um orgulho ter esta senhora a expor em Versalles.

Tal como ter Durão Barroso como presidente da comissão europeia ou José Mourinho e Fernando Santos como treinadores de futebol.

(e não só, muitos outros haveria a mencionar)

Mas para já fiquem com a Joana Vasconcelos. 

 

 assim gosto mais! Não há nada como um sorriso.



carlos arinto maremoto às 18:44
link do post | comentar | favorito

Domingo, 17 de Junho de 2012
hoje...

...estou optimista.

A Europa sobreviverá?

E não estou a falar de futebol.

  

até pode ser que sim, mas... qual o preço a pagar?

E por quem?

(eleições na Grécia, em França e no Egipto)

 

 

 

 



carlos arinto maremoto às 16:47
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 13 de Junho de 2012
hoje

O mundo acaba hoje?

(jogo com a dinamarca às 17H00)

 

A Colt Resources, através de uma “joint-venture” com a Iberian Resources, assinou com o Governo português um acordo para a concessão experimental de ouro nas freguesias de Santiago do Escoural (Montemor-o-Novo) e de Nossa Senhora da Boa-Fé (Évora).

Já em maio, o Chief Executive Officer (CEO) da Colt Resources, Nikolas Perrault, tinha realçado à Lusa que as perfurações na Boa-Fé estavam a detetar “mineralizações de alto teor” de ouro, admitindo que a extração industrial poderá vir a arrancar em 2014.

No comunicado agora divulgado, Nikolas Perrault afiança que, atendendo aos resultados analíticos finais, as perfurações na Boa-Fé “continuam a fornecer graus de ouro impressionantes, perto da superfície”.

“Estes dados serão incluídos na estimativa inicial de recursos do projeto, que deverá ficar concluída até final do mês”, referiu.

O CEO da Colt adianta ainda que, devido à “confiança” da empresa no “potencial regional” de ouro, foi iniciada “a campanha de exploração alargada na concessão de Montemor-o-Novo”, que possui um total de 47 quilómetros quadrados e integra a licença na zona da Boa-Fé.

Os “resultados iniciais” desta campanha na serra de Monfurado, que vai incorporar dados geofísicos recebidos recentemente pela empresa, “têm sido positivos”, destacou o responsável.

Os trabalhos, assegurou, vão prosseguir com a realização de perfurações mais profundas para “testar a extensão de depósitos [minerais de ouro] conhecidos”.

Além disso, a empresa garante, no comunicado, que vai continuar com a “fase avançada” da sua “campanha de exploração” na Boa-Fé, com várias perfurações.

O acordo com o Governo português, para a concessão experimental de ouro nas duas freguesias alentejanas, foi assinado em novembro passado, num investimento previsto de três milhões de euros, durante três anos.

A perfuração na Boa-Fé está a decorrer “desde dezembro”, disse à Lusa Nikolas Perrault, frisando que o projeto “tem vindo a exceder as expetativas” e que a empresa está “cada vez mais confiante” de que “é viável” a exploração industrial de ouro no Alentejo.



carlos arinto maremoto às 09:17
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Terça-feira, 5 de Junho de 2012
a selecção

A selecção é de futebol.

ok.

E vive uma euforia não justificada.

Ainda não ganhou nenhum jogo, pois o campeonato ainda não começou.

Tudo o que vimos até agora foi folclore, falta ver futebol bem jogado e se possivel golos e vitórias.

Não é obrigatório, mas convém!

Para bem de todos nós. isto porque depois do desemprego, das secretas, dos processos, do bpn, da falta de chuva.... só nos falta que a selecção fosse uma selecção de merda.

Não queremos que seja. 

Acreditamos em Deus todo poderoso e nos golos que podem marcar.

Não fazemos promessas tolas. Mas queremos resultados. É a obrigação deles:apresentar resultados!!!

Como a todos os trabalhadores portugueses. 

É preciso pagar a dívida e aumentar a produtividade.



carlos arinto maremoto às 19:44
link do post | comentar | favorito

contador
MAREMOTO
pesquisar
 
Dezembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
12
14
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


textos recentes

Oumuamua

ÔNFALO

as especiarias

Cadernos de poesia IV Cir...

Fernando Relvas

O Confessor

O pé calçado

O tempo

Sophia, a parturiente

sete novembro

arquivos

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Junho 2016

Janeiro 2014

Março 2013

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

tags

todas as tags

links
alô planeta terra

localizador ip
hora de inverno
hora de verão
contador
a partir de:
28.03.2010