Pequenas opiniões sobre quase tudo que servirão para quase nada
Segunda-feira, 14 de Fevereiro de 2011
reformas na suiça
parace que é como em Portugal Descubra as diferenças


carlos arinto maremoto às 17:23
link do post | comentar | favorito

Domingo, 13 de Fevereiro de 2011
seis milhões?

O director que se demitiu - por causa dos problemas com o cartão de cidadão no dia das eleições - afirmou ao Expresso que: "existem em Portugal seis milhões de pessoas (num universo de nove milhões) que a administração não sabe onde estão".

Vejamos: é muita pessoa para se perder de um momento para o outro.

 

(Lá que não saibam onde estão os mortos que morrem dentro de casa....dois só na última semana.... ainda poderia ter desculpa....mas nem assim)

 

O problema começa com a não informação a 700.000 cidadãos - que requereram o cartão de cidadão - que a mudança de morada arrasta todas as outras moradas. Passa a haver, apenas uma morada para o cidadão ser notificado, logo o número de eleitor é modificado e a correspondente mesa de voto. (no caso em que a morada de eleitor era diferente da morada de residência)

Note-se que digo informado. Na minha opinião não é preciso enviar nenhuma carta...bastava que o funcionário que procede à recolha dos dados para a feitura do cartão de cidadão informe o mesmo das caracteristicas, e condicionantes do novo cartão - antes e nunca depois, ao entregar o cartão- a morada que se dá como residência não é alietória, existe muita gente com mais de que uma morada possivel.

 

Depois surge o problema de saber se a secretária de Estado e o Ministro sabiam que havia um problema que não estava a ser devidamente tratado.

Parece-me ridicula a questão.

Se não sabiam deveriam saber e logo demitirem-se como lhes compete.

 

Mas voltemos aos seis milhões de portugueses que o Estado não sabe onde estão e que não consegue notificar.

Na última vez que foram enviadas cartas o sucesso foi de 2%. Isto significa o quê?

Em cada milhão de pessoas que a administração contacta só o consegue fazer em 20.000?

Há aqui qualquer coisa que me escapa.

 

(Já se sabe que a segurança social corta a pensão a quem não levanta o vale dos ctt e que as finanças vendem a casa a quem não paga imi, sem qualquer outra deligência, arrecadando a diferença entre mil euros e trinta mil como se fosse a coisa mais normal do Mundo - e está tudo bem - quem é que se revolta?para quê? embora depois venha dizer que os móveis que estão dentro da casa não faziam parte do lote de venda.... e não ouvi nenhuma demissão de incompetente funcionário ou director)

 

O Estado a que o Estado chegou é uma banalidade.

Os detentores de cargos politicos são irresponsáveis.

Õ Ministro da Administração interna devia estar no desemprego desde o caso dos blindados para as forças de segurança, desde o submarino avariado,  ou até - nunca deveria ter sido tal coisa, porque realmente tem competência para se desculpar, não para assumir responsabilidades.

 

A senhora secretária de Estado é na mesma linha uma ferverosa militante do PS. (este PS, não o PS de Mário Soares)

Se alguém deu uma ordem e alguém não a cumpriu tão responsável é o autor do não cumprimento como o autor da ordem que não zelou pelo seu cumprimento. Afinal o executante, procedem à execução em nome de

...pois tudo na administração publica portuguesa é representativo.

Incluindo os politicos: que estão lá porque os cidadãos votaram.

 

É claro que Pedro Passos Coelho não vai cair na armadilha. É claro.



carlos arinto maremoto às 17:12
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 11 de Fevereiro de 2011
o gajo foi-se embora?

E aos 82 anos de idade o gajo deixou o Egipto.

Todas as ditaduras têm dificuldades em se verem substituidas. Todos os aspirantes a ditadores têm dificuldade em considerar alternativas.

O Francisco Louçã é que os topa.

Pedro Passos Coelho está à rasca?

Bem, o Partido socialista pode sempre reganhar o poder. Tão seguro como aparecerem candidatos crediveis: Manuel Maria Carrilho? António José Seguro?



carlos arinto maremoto às 17:07
link do post | comentar | favorito

ah pois é!!!

José bettencout gostava muito do Paulo Bento: despediu-o!

José Bettencourt nomeou Costinha para director dfesportivo, mas despediu-o para pagar ordenados. Não, para pagar ordenados foi o Liedson.

O Costinha foi porque ele mandava, desde que estivesse de acordo com o Bettencout.

O dito Bettencourt despediu-se a ele próprio. Vai regressar ao BES?

O salvador Braz que nunca desiste de nada já desistiu da candidatura de ser candidato.

Os capitais angolanos e outras vigarices poderiam ser descobertas? Não! Foram as tricas dos que "realmente mandam no Sporting"

Por tudo isto o Bloco de Esquerda apresentou - isto é vai apresentar - uma moção de censura ao Governo.

Os outros Partidos ficaram àrrasca!

Ontem fui jantar fora. O restaurante que tinha sempre gente até à meia noite, estava vazio - e assim continuou - às nove e meia da noite.

As casas que vendem frango para fora - que no meu tempo era consumido pelos que tinham pouco dinheiro, mas vendiam frangos até à meia-noite, às nove horas da noite já estão a fechar.

Esperemos que a geração Deolinda resolva a crise.

 



carlos arinto maremoto às 09:03
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 10 de Fevereiro de 2011
portugal-argentina

O que é facto é que Portugal perdeu.

(1-2)

E logo agora que estava tudo a correr tão bem, os juros da divida pública sobem.

Que chateado que eu estou.

Os deolinda resolvem o assunto. ( ou a geração por eles)

Escravos?  NUNCA!!

estudar para ser escravo? Só se eu for parvo!



carlos arinto maremoto às 10:20
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 9 de Fevereiro de 2011
casos de policia??

Um idoso morre sozinho em casa.

As finanças penhoram a casa e vendem-na em hasta publica.

Um comprador adquire o imóvel sem o visitar ( € 30.000,00 para pagar pouco mais de mil????? em divida ao fisco?????)

Quando vai lá a casa encontra o cadáver.

 

*** a falecida esteve oito anos morta sem que alguém desse por isso**

 



carlos arinto maremoto às 19:02
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 7 de Fevereiro de 2011
face visivel

A face visivel da "face oculta" é o sucateiro preso.

Que está doente. Porque é que todos os grandes presos económicos ficam doentes logo que entram na prisão? Como Oliveira e Costa.

 

Deve ser de não poderem chafurdar no dinheiro.

 

Os que ficam à solta - como o senhor Armando Vara - têm aquele ar saudável de quem comeu os "robalos" e os apreciou. Os seus advogados são espertalhaços e até estão contra a Ordem dos Advogados.  Então agora não se pode comentar os casos que correm pelos Tribunais? Ora essa!!? Sempre é uma forma de pressão na opinião pública que não é de desprezar.

 

O senhor Loureiro, filho de Valentim, ex- presidente do Boavista foi condenado e vai recorrer. Afinal uma divida de milhões ao fisco é normal em clubes de futebol. Quem canta seus males espanta.



carlos arinto maremoto às 19:20
link do post | comentar | favorito

Domingo, 6 de Fevereiro de 2011
irresistivel



carlos arinto maremoto às 18:43
link do post | comentar | favorito

suspiro

Portugal vai vencer.

Basta ouvir os relatos dos jogos internacionais de futebol. São portugueses a marcarem golos, a resolverem, a treinarem, a mostrarem que somos bons na diáspora.

Até tinhamos um reporter à varanda da praça do Cairo, chamado Manuel José.

Por isso não concordo co0m os diolinda.

Se os "doutores" querem ser doutores que vão à luta. Enfrentem! Acreditem ( como se diz no futebol)

Queriam à borla, dado e arregaçado? Toma!

Uma salva de palma para o Miguel Sousa Tavares e as suas crónicas no Expresso. Já cansa tanta baboseira de pais com medo do frio nas escolas, por falta de aquecedores: levem agasalhos. Subscrevo!!



carlos arinto maremoto às 18:31
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 4 de Fevereiro de 2011
deolinda

Sou da geração sem remuneração
E não me incomoda esta condição
Que parva que eu sou
Porque isto está mal e vai continuar
Já é uma sorte eu poder estagiar
Que parva que eu sou
E fico a pensar
Que mundo tão parvo
Onde para ser escravo é preciso estudar

 

Sou da geração “casinha dos pais”
Se já tenho tudo, pra quê querer mais?
Que parva que eu sou
Filhos, maridos, estou sempre a adiar
E ainda me falta o carro pagar
Que parva que eu sou
E fico a pensar
Que mundo tão parvo
Onde para ser escravo é preciso estudar

 

Sou da geração “vou queixar-me pra quê?”
Há alguém bem pior do que eu na TV
Que parva que eu sou
Sou da geração “eu já não posso mais!”
Que esta situação dura há tempo demais
E parva não sou
E fico a pensar,
Que mundo tão parvo
Onde para ser escravo é preciso estudar



carlos arinto maremoto às 17:10
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

corrupção

Os policias que vão - em serviço pago, chamado "gratificação" - policiar os jogos de futebol amador comem e bem no bar dos clubes à borla ( mandam pôr na conta do clube) porquê?

Está-lhes na pele e no sangue.

E depois o corrupto sou eu??? Portugal precisa de um grande Tiannamem.

 



carlos arinto maremoto às 17:06
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 3 de Fevereiro de 2011
crise, que crise?

O titulo dos supertrump "Crise? What crises?" serve para ilustrar o facto de Portugal anunciar que - a partir de Maio - o concurso do Euromilhões passa a ser bi-semanal.

Isto é: duas vezes por semana.

Trabalhamos pouco, produzimos nada, mas temos esperança que nos saia a "sorte grande".

 

Ah. O Benfica ganhou.

A crise acabou?

 



carlos arinto maremoto às 17:44
link do post | comentar | favorito

question

Os portugueses estão a sair do Egipto às pinguinhas. Porquê?

É o terceiro avião que vai ao Cairo buscar portugueses, isto porque não queriam sair, mas agora já querem.

Não entendo.

E quem paga????

E os estrangeiros que viajam nos aviões portugueses, quem paga? E porquê aqueles e não outros??

 

Como é costume explicações niente.

 

Os bébés vão passar a ter de possuir número de contribuinte.

Os idosos terão de ir à net para obterem a declaração de rendimentos (pensão)

 

Mais palavras para quê. São artistas portugueses.



carlos arinto maremoto às 08:40
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 2 de Fevereiro de 2011
luto

A coisa tinha de dar para o torto.

Começaram os confrontos no Egipto.

Aquela coisa do Presidente - empurrado por todos( de Obama à Onu à Bruxelas) - não querer ir embora, tinha de dar merda!

 

Por cá fechou portas o cabaré MAXIME.

Eu sei que não é a mesma coisa, mas os "irmãos catita" mereciam melhor sorte.

Na Praça da Alegria ficou apenas a tristeza de 1. ver os cabarets de putas passarem a cabarets de esquerda. 2. Fecharem os cabarets e as casas de fados. 3. Ainda lá estar a federeção Portuguesa de Futebol. 4. Ah! e a esquadra da policia, à esquina.



carlos arinto maremoto às 16:43
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 1 de Fevereiro de 2011
eleições

Na Federação Portuguesa de Futebol só há eleições depois de alterados os estatutos.

Então qual é o problema?

O Gilberto Madail que estava "com os pés para a cova" já anunciou que se vai recandidatar.

Até lá, ganham poder os jogadores, os àrbitros e ...perdem poder as associações.

Lá que é mais democrático é verdade.



carlos arinto maremoto às 19:18
link do post | comentar | favorito

egipto

O sindicalista detido por ter passado o cordão policial na manifestação de s.bento, provoca novo bloqueio à porta do tribunal.

(ele não forçou, não desrespeitou, não empurrou, não foi mais sindicalista do que os outros sindicalistas)

Boa. Sindicalista é sindicalista.

Aqui e no Egipto.

 

Aguarda-se - igualmente - a decisão do Tribunal de Nova York sobre a situação de Renato Seabra.

(Portugal está expectante)



carlos arinto maremoto às 17:24
link do post | comentar | favorito

coisas nojentas

O dia de s.valentim.

Terem espalhado as cinzas do Carlos Castro no túnel de ventilação do metro de NovaYork.

Os portugueses quererem sair do Cairo e regressar a Portugal. Eu sempre quis ir ao Egipto e nunca consegui.



carlos arinto maremoto às 08:36
link do post | comentar | favorito

MAREMOTO
pesquisar
 
Dezembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


textos recentes

Chuva

às voltas com o oito

A espera e o caminho

magalhães

A exposição

love is all you need

pisca-pisca

Macaréu

zunido

invisivel

arquivos

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Junho 2016

Janeiro 2014

Março 2013

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

tags

todas as tags

links
a partir de:
28.03.2010